Mais Leitura completa 10 anos de história

Projeto já garantiu o acesso à cultura e cidadania para mais de um milhão de leitores

Por Ana Luísa Vasconcellos

“Um país se faz com homens e livros”, disse Monteiro Lobato, um dos autores brasileiros que inseriu a literatura infantil no imaginário de diversas gerações de leitores em nosso país. No Rio de Janeiro, o Programa Mais Leitura, criado pela Imprensa Oficial do Estado, é uma das principais iniciativas de democratização da leitura e comemora, em julho, 10 anos de existência. Em um estado tão diverso como o Rio de Janeiro, a leitura e o acesso aos livros permite muito mais do que inserção cultural, mas também garante educação e cidadania aos leitores das mais diversas classes e espaços sociais.

Criado em 2011, o Programa Mais Leitura oferece livros a preços populares, que já atingiram mais de um milhão de leitores com os mais de cinco mil títulos do Programa. Fruto de parcerias firmadas com editoras e Sindicato Nacional dos Editores de Livros, atualmente o programa possui acervo diversificado de exemplares novos, que são vendidos a partir de R$2 nas lojas espalhadas pelo Rio de Janeiro e Niterói. Os livros de vários gêneros literários estão disponíveis em duas lojas na cidade do Rio para atender às camadas da população com acesso reduzido aos direitos sociais. O coordenador do Programa, Gabriel Salabert, comemora os resultados do Mais Leitura durante esses 10 anos: 

“Completar dez anos de história sem dúvida é um marco para um programa que tem como seu maior foco a democratização do acesso à cultura através da leitura. É com imenso orgulho que comemoramos essa data tão especial, através dela nos renovamos e nos incentivamos a continuar levando histórias, conhecimento e pitadas de estímulos que farão diferença ao longo da trajetória de cada um que compra conosco. Continuamos trabalhando na expectativa de trazer muitas novidades e seguimos firmes com o imenso desejo de que cada vez o Programa Mais Leitura se torne conhecido por toda a população do Estado do Rio de Janeiro”, afirma Gabriel.

 

Geração de leitores

 São livros para todos os gostos que variam entre clássicos da literatura mundial e brasileira e outros gêneros literários: ficção, romance, policial, esportes, biografia, acadêmicos,  autoajuda, poesia, obras infantis e infanto-juvenis constituem o acervo. No Rio de Janeiro, o Mais Leitura já tem duas sedes e, em breve, inaugura mais uma, desta vez na Imprensa Oficial do Estado do Rio de Janeiro, berço do projeto cultural. Você pode conferir o catálogo de títulos do programa neste link.

 Os livros infantis são os mais procurados, o que reforça ainda mais a importância do programa na formação de novos leitores. Uma das clientes do Programa Mais Leitura é a estudante de cinema Júlia Rapozo, que viu nos exemplares infantis uma oportunidade de inserir a leitura na vida de sua filha de 2 anos, Amora Rapozo: “Os livros fazem parte minha rotina com a Amora. Todos os dias antes de dormir, ela escolhe três livros para lermos juntas. Agora, ela não quer mais que eu leia, ela já gravou as histórias e já as conta sozinha”, afirma. 

 

Mais Leitura pela cidade

No coração do Rio de Janeiro, se encontra uma das lojas do Programa, localizada no Edifício Garagem Menezes Cortes, onde os leitores podem buscar alguns dos exemplares mais procurados, como os diversos livros acadêmicos e o variado repertório de literatura infantil. Já em sua outra sede, na Biblioteca Parque, são ainda mais títulos disponíveis e os clientes podem aproveitar a visita para conhecer o espaço da biblioteca.

“Ler é o maior barato” – é com esse slogan que tentamos levar aos nossos clientes e conhecedores do programa a importância de incluir a leitura como parte da rotina, além de definir nossa meta: levar livros novos a preços populares aos cidadãos fluminenses. “Viajar” através da literatura é a certeza de explorar lugares, vivenciar momentos, descobrir, redescobrir, sentir e, assim, despertar o interesse pelo saber, que é fundamental  para o desenvolvimento humano”, defende o coordenador do Programa Mais Leitura. 

 

Serviço:

Edifício Garagem Menezes Côrtes

Rua São José, 35, Sobreloja – Centro, Rio de Janeiro 

Biblioteca Parque Estadual

Avenida Presidente Vargas, 1261 – Centro, Rio de Janeiro

Imprensa Oficial do Estado do Rio de Janeiro 

Rua Professor Heitor Carrilho, 81 – Centro, Niterói. 

Funcionamento: Segunda a sexta, das 9h às 16h.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *