Cidade Imperial

Roteiro para curtir Petrópolis com atrações reabertas

Um dos destinos mais procurados por turistas que buscam programas históricos e gastronômicos é a bucólica Petrópolis, famosa por sua história e beleza natural. A cidade imperial, localizada na Região Serrana do Rio de Janeiro, oferece passeios para quase todos os gostos, desde visitas à cervejaria e bons restaurantes, até passeios por museus e trilhas ecológicas. Para quem vem do Rio de Janeiro, o visual a caminho da cidade já surpreende, com uma vista panorâmica da serra guiando a chegada ao destino. O simples caminhar pelas ruas e avenidas de Petrópolis se torna um passeio prazeroso, já que o clima fresco e em meio à natureza revela ruas arborizadas e floridas.

Restos mortais da família imperial na Catedral São Pedro de Alcântara

A fundação de Petrópolis, em 1843, está ligada à história imperial brasileira, que até hoje marca presença na arquitetura, preservada com o estilo original do século XIX. Sua construção deu início a processos migratórios, principalmente de alemães, que chegaram à cidade com a missão de levantar o Palácio Imperial e colonizar a região. Até a data de publicação desta matéria, não estavam abertos o Museu Imperial, o Palácio Quitandinha nem o Palácio de Cristal, três importantes pontos turísticos. Mesmo assim, ainda há muito para aproveitar na cidade. Vale a pena, por exemplo, fazer uma visita à Catedral São Pedro de Alcântara, que chama atenção pelo estilo arquitetônico neogótico francês e guarda os restos mortais da família imperial, além de ser famosa por seus vitrais. 

 

Casa Santos Dumont, conhecida como “A Encantada”

Saindo da Catedral, uma caminhada pela Avenida Köeller revela grandes construções da época e leva à Praça Liberdade, localizada no Centro da cidade. Dali, o acesso aos principais pontos turísticos é fácil, a exemplo do Museu de Cera e Museu de Porcelana, ambos já reabertos. Outra atração nos arredores é a Casa de Santos Dumont, conhecida como “A Encantada”. O museu foi a residência de verão idealizada pelo próprio Pai da Aviação, em 1918, e sua visita explora a história de Santos Dumont a partir de móveis, livros e cartas. Para iniciar o passeio, o visitante se depara com a curiosa escada de degraus em forma de raquete, que obrigam qualquer pessoa a sempre começar a subir com o pé direito.

 

Apesar de o Palácio Quitandinha estar fechado por conta da pandemia, o restaurante da propriedade continua funcionando. A Churrascaria Lago Sul opera respeitando o distanciamento social, além de aferir temperatura na entrada. Uma outra opção de restaurante é a Cervejaria Bohemia, que oferece cervejas e chopps variados para acompanhar o cardápio. Além do restaurante, o tour pela cervejaria voltou ao funcionamento e os visitantes têm a opção de escolher um entre os três tipos de tour pela fábrica. Para fechar o roteiro com um pouco de contato com a natureza, vale a pena visitar o Parque Crémerie para uma caminhada ou então fazer uma das trilhas da Serra dos Órgãos, no caso de um passeio mais longo.

Cervejaria Bohemia, onde é possível acessar o restaurante ou fazer um tour cervejeiro

Serviço:

Catedral São Pedro de Alcântara

Terça a domingo, visitação de 9h às 17h. Gratuito.

Museu de Cera

Segunda a Domingo, 10h às 17h. Sáb 10h às 18h. Inteira: R$76,00 / Meia: R$38.

Museu de Porcelana

Terça a domingo, 9h às 17h. Sáb 9h às 18h. Inteira: R$30 / Meia: R$15.

Casa Santos Dumont

Terça a domingo, 9h às 17h. Inteira: R$8 /Meia: R$4.

Churrascaria Lago Sul

Segunda a sábado, 11h30 às 23h. Domingo, 11h30 às 18h30.

Cervejaria Bohemia

Visitação Livre: Tour Cervejeiro com 3 degustações direto da fonte. Terça a quinta, 12h às 17h. Sexta a domingo, 10h às 17h. Ingresso: R$39.

Chave do Mestre: Tour exclusivo, guiado, com 04 degustações e acesso à área de produção restrita da nanocervejaria. Terça a sábado, somente às 13h e às 16h30. Ingresso: R$59.

Harmoniza Tour: Tour exclusivo, guiado, com 05 degustações, acesso à área de produção restrita da nanocervejaria e experiência de harmonização no Restaurante Bohemia. Terça a sábado, somente às 15h. Ingresso: R$89.

Parque Crémerie

Terça a domingo, 8h às 17h. Gratuito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *